Empresário de Estreito é acusado de espalhar fake news

O empresário Edilson Brustolon do município de Estreito, está sendo acusado mais uma vez, de espalhar fake news em grupos de WhatsApp. 

 

Desta vez, ele teria informado através de um áudio sobre um grave acidente e afirmado que as ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), estavam quebradas. 

 

Além disso, Edilson, afirmou que na Orla do município, foi realizado um encontro com mais de 100 carros de som. A informação foi desmentida em grupo de WhatsApp pela própria população, que o chamou de mentiroso em um grupo de som automotivo da cidade.

 

Já a informação sobre o acidente e as ambulâncias quebradas, foi desmentida pela própria coordenadora do SAMU. Veja abaixo a nota de esclarecimento

 

NOTA DE ESCLARECIMENTO

 

Eu, Cristiane Araújo, coordenadora do SAMU da Base descentralizada de Estreito-MA, venho por meio deste esclarecer que é inverídica a informação que surgiu por meio de áudios nas  redes sociais de que as ambulâncias estão quebradas. 

Essa informação não procede, as ambulâncias estão funcionando. 

Não recebemos nenhuma comunicação da base de Porto Franco sobre qualquer acidente, tendo em vista que a Central de Porto Franco é quem faz a comunicação de ocorrências para o devido deslocamento das ambulâncias. 

 

Pedimos desculpas à população por qualquer constrangimento!




Gostou desta notícia? Compartilhe!


Notícias parecidas